março 17, 2009

das coisas que restaram, ficou a saudade daquele impulso que tinha para escrever em terceira pessoa. de se esconder por detrás do abrigo seguro dos ele, se, lhe, o, si, consigo. faltava-lhe agora a criatividade para escrever sempre a mesma coisa e sobrava-lhe a dor que antes era aliviada com os tópicos frasais. estando todo compacto, e não mais esfarelado, não sabia bem como se equilibrar e manter-se de pé. só conseguia dar dois passos adiante sem tropeçar pelas ruas porque via como era muito mais fácil prover do que esperar ser provido. fazia todos os carinhos que gostaria de receber e sentia-se forte e indispensável. tendo descoberto novas formas de existência, queria abandonar cada lugar de subserviência que antes ocupava. queria tomar mais cuidado com o que escrevia porque começou a se sentir observado. docemente observado, eu confessaria.

Anúncios

“porque eu sou tímido e teve um negócio de você perguntar o meu signo, quando não havia signo nenhum”

março 5, 2009

ele é daqueles que precisa escrever qualquer coisa, e tudo bem porque gente como nós é assim mesmo. dá medo porque suas maneiras foram tão sonhadas e esperadas. eu já o conhecia antes mesmo de o conhecer porque criava ilusões e reflexos de suas virtudes em corpos menos dignos e mais malhados, em espíritos menos sofisticados, em palavras desvalidas. ele apareceu para mostrar que há mais cores em meu espectro e menos dores em meu calvário. apareceu de repente porque gente como ele acompanha a transitoriedade dos eclipses. sei que ele pode ir embora para ir respirar ares próximos de outros narizes: ele precisa disso. por isso, por segurança, deixo aqui tudo registrado.


gráficos

março 4, 2009

adorei os desenhos do blog indexed, criado pela americana jessica hagi. ela cria uns gráficos bem legais mostrando coisas simples do cotidiano e verdades que ninguém gosta de admitir.  

 

 montagem-copy1

 

  


março 4, 2009
weezer - el scorcho

weezer - el scorcho

peguei no blog da punk. lá tem mais musiquinhas em versão gráfica. adorei isso.